Arquiteto, engenheiro, mestre de obras – Saiba o papel de cada um na sua obra

https://goo.gl/5Qfeui
https://goo.gl/5Qfeui

Hoje gostaria de começar com  um depoimento pessoal:

– Outro dia um cliente dispensou um  serviço de projeto sob o argumento de que o pedreiro mesmo ia “desenhar” a reforma. Me deparei frente a um acontecimento bem comum na sociedade e resolvi esclarecer alguns pontos importantes que todos que pretendem construir e reformar precisam compreender.

Em qualquer tipo de obra, estão envolvidos diversos profissionais cuja função é complementar o serviço do outro. Desta forma, Arquiteto, Engenheiro, Mestre de Obras, pedreiros, assentadores de piso, pintores, etc; todos são diversos personagens que se complementam durante o processo de construção e materialização da edificação.

O caso que descrevi é muito comum porém profissionais que exercem funções que não são suas além de ilegal pode acarretar prejuízos altíssimos para quem está construindo. Muitas pessoas acreditam que contratar um arquiteto sai muito caro e que “arquiteto á coisa de rico”,  hoje quero desmitificar essas questões, afinal todos estes personagens são essenciais para a obra e a sua contratação não vai encarecê-la.

O que faz um arquiteto?

Os arquitetos auxiliam nas escolhas de forma a apresentar as melhores soluções para a obra de acordo com o montante que o cliente pode gastar, ele é também o personagem responsável por fazer projetos de arquitetura, urbanismo, interiores, paisagismo e restauração de patrimônio histórico cultural.

Seu trabalho é composto por vários estudos de acordo com a singularidade de cada projeto.  Sua função é realizar uma proposta de acordo com os costumes/interesses de seu cliente e adequá-lo de forma que o espaço seja agradável, salubre, ventilado, ou seja, confortável. Além de todas estas questões, a questão estética também é levada em conta. A casa própria é para muitos, a realização de um sonho, portanto, o projeto deve ser elaborado com a participação do cliente para que o resultado seja satisfatório.

Ter um projeto em mãos antes de construir é o fator mais importante para se estimar o valor que será gasto até o final da obra, ele possibilita o planejamento e uma execução sem desperdícios. Dessa forma, arquiteto não é coisa de rico e nem é um serviço caro que você não pode pagar! Procure por profissionais que você se identifica, voltados para o seu nicho.  🙂

Empreiteiros e mestres de obras

Os empreiteiros e mestres de obras constroem supervisionados por Arquitetos e Urbanistas e Engenheiros, eles não projetam, eles trabalham diretamente com a execução.

O trabalho do engenheiro

O engenheiro, assim como o arquiteto, também pode acompanhar a execução da obra;  seu papel fundamental é o dimensionamento estrutural, dessa forma, ele realiza o projeto estrutural da edificação. Ele também é responsável pelo dimensionamento nos projetos hidrossanitários e elétricos, para isso existem vários tipos de engenheiro, civil, elétrico, etc.

Um engenheiro civil também trabalha com obras urbanas, pontes, viadutos, barragens, estradas, etc.

Entender a diferença entre estes profissionais é compreender que ao colocar uma construção em prática, cada profissional deverá ser consultado em cada momento específico. O primeiro passo é o projeto, sendo assim, procure um arquiteto.

A conscientização dos diversos papéis em uma obra é essencial para um bom resultado. É preciso entender que para cada função há um responsável e isso não fará com que sua obra seja mais cara ou complicada, pelo contrário, o auxílio profissional é o melhor caminho para uma obra bem executada.

Agora que você já conhece as funções destes profissionais, procure alguém da sua confiança para auxiliar na materialização do seu sonho e tenha a certeza que sua obra não sairá mais cara por conta disso.

Quer saber um pouquinho mais?

O Sindicato dos Arquitetos no Estado do Rio Grande do Sul (SAERGS) e a Federação Nacional dos Arquitetos e Urbanistas – FNA disponibilizam a cartilha Contrate um Arquiteto e Urbanista pela internet.

O download pode ser realizado através deste LINK.

Se gostaram do post de hoje, compartilhem com seus amigos!

Confira também este post aqui sobre por onde deve começar a sua obra.

Se inscreva e receba novidades!

Até a próxima!

 

 

 

no replies

Leave your comment